Aumento peniano

Um pénis curvado devido a uma curvatura do pénis congénita ou adquirida.

Curvatura do pénis congénita(desvio do pénis)

Curvatura do pénis e pénis curvo como quadro clínico

Mesmo quando à primeira vista não se vê: Sabia que não existem quase nenhuns pénis que sejam totalmente direitos. Tal como o nariz e a face e até os peitos femininos quase nunca são iguais e simétricos. No entanto, torna-se em cada uma das partes do corpo problemático quando o desvio de direção é tão acentuado, que afeta esteticamente essa parte do corpo ou impede até a sua função. Cerca de 5 porcento dos homens são mesmo afetados por um encurvamento severo do pénis, o que pode ter efeitos graves na sua via emocional e amorosa. É extremamente importante, que o indivíduo se sinta bem com o seu próprio corpo.

Causa

Uma curvatura do pénis de nascença desenvolve-se logo na barriga da mãe. Sobretudo por motivos hormonais é possível que o tecido se desenvolva de modo assimétrico, os três corpos cavernosos do órgão sexual masculino pode ter uma desenvolvimento diferente em termos de tamanho. Por vezes, existe também uma também uretra encurtada, a chamada hipoplasia uretral. O desvio congénito do pénis não se altera no homem adulto.

Solução

Uma intervenção cirúrgica é normalmente apenas tida em consideração, quando o afetado sofre de dores e limitações consideráveis no ato sexual. Em termos gerais desaconselha-se a correção por meros motivos cosméticos, já que, consoante o caso, poderá existir o risco de ferir estruturas importantes para as funções especiais do pénis.

Para além disso, numa operação de cosmética normalmente apenas se consegue fazer um ajuste do corpo cavernoso mais alongado ao mais curto; ter-se-á que aceitar que o pénis ficará alguns centímetros mais pequeno. Não raras vezes, o órgão sexual masculino apresenta uma deterioração estética após a operação.

A terapia com PHALLOSAN® forte é por isso uma verdadeira alternativa aos métodos cirúrgicos para o endireitamento do pénis. Devido à tração constante do pénis é possível eliminar ou pelo menos melhorar uma curvatura sem que tal implique um perda de comprimento, já que o pénis é esticado no seu todo pelo efeito de tração pela glande. Neste processo é irrelevante em que direção aponta o desvio.

Curvatura do pénis adquirida

Induratio Penis Plastica

A curvatura do pénis adquirida, também designada por induratio penis plastica (abreviado IPP) pode desenvolver-se lentamente ou surgir aparentemente de um dia para o outro. O início desta patologia extremamente desagradável é muitas vez acompanhado por dores, especialmente no momento da ereção. São mais frequentes situações de curvatura do pénis para cima, mas estreitamentos em forma de ampulheta são igualmente possíveis. A IPP afeta 3 a 7 porcento dos homens, sendo os diabéticos os mais afetados. A curvatura adquirida pode infelizmente ser tão grave, que impede de modo doloroso o contacto sexual com a parceira, podendo torná-lo mesmo impossível. A patologia afeta o homem como um todo, pois traz consigo custo enormes para a qualidade de vida, quer em termos pessoais, sexuais como na relação com a parceira.

Causa

A causa exata da curvatura do pénis que apenas surge já na idade adulta não é conhecida e encontra-se ainda em estudo. A teoria predominante parte do princípio que a anomalias no metabolismo colagénico desempenham um papel importante no seu surgimento. Na Induratio Penis Plastica formam-se nódulos endurecidos (plaquetas) na pele dos corpos cavernosos, que são provocados pela produção descontrolada de tecido conjuntivo no órgão sexual masculino. O que leva à curvatura, por vezes mesmo com dores.

Solução

Uma vez que não existe tratamento quanto às suas causas, tenta-se aliviar os sintomas da IPP recorrendo a diferentes medicamentos e procedimentos de tratamento e impedir a progressão da patologia (toma de medicamentos, injeção de substâncias ativas diretamente no pénis, terapia por ondas de choque, iontoforese). Em situações mais difíceis, por vezes resta apenas a intervenção cirúrgica para ajudar o afetado a voltar a ter uma sexualidade satisfatória. Até à data não se consegui com nenhum dos métodos de tratamento uma cura no sentido de uma completa recuperação da curvatura.

Com o processo mecânico de PHALLOSAN® forte foi, no entanto, já possível a 640 pacientes relatarem experiências de sucesso. PHALLOSAN® forte é recomendável como terapia inicial ou terapia de manutenção alternativa em caso de uma curvatura por IPP - especialmente na análise prévia de que outras opções de terapias não serão de todo afetadas.

Apresentação de uma nova terapia (PHALLOSAN® forte) para o tratamento não invasivo da induratio penis plastica (IPP).

Como funciona o PHALLOSAN® forte?

Como posso encomendar PHALLOSAN® forte?